Estudar ouvindo aulas em áudio: como é possível?

1435
0
COMPARTILHAR

O bom concurseiro está sempre procurando formas para otimizar seus estudos. A falta de tempo, justificada pela correria imposta pelo trabalho e outros afazeres, talvez seja o maior dos problemas. Com apenas 24 horas no dia, nem sempre é possível fazer tudo o que planejamos nesse período, e o jeito é encontrar uma maneira de dividir nossas atividades diárias com os estudos. Uma solução que pode ser eficiente para driblar esse tipo de situação é passar a ouvir aulas em áudio.

Neste artigo, você entenderá como os áudios poderão aperfeiçoar seus estudos e fazer com que você chegue mais preparado nos concursos públicos. Veja a seguir:

Entenda o seu funcionamento

Videoaulas, livros, e-books e até aulas de cursos preparatórios podem ser gravadas ou transformadas em áudio. A ideia desse material de estudo é fazer a pessoa ganhar tempo na sua preparação, pois acompanhar um conteúdo por áudio é mais rápido e prático do que ler. Isso sem contar que a absorção e a memorização do aprendizado são melhores – se você manter o foco, é claro.

Aproveite suas vantagens

Além da questão do ganho de tempo, as aulas em áudio são interessantes porque podem ser conciliadas com outras atividades do seu dia a dia. É perfeitamente possível estudar por áudios enquanto você limpa a casa, lava a louça, dirige, está no transporte público, malha, caminha, etc. Enfim, tarefas mais mecânicas e menos racionais, funcionam meio que no automático. Dividir essas atividades com os áudios é interessante porque você pode focar sua atenção no conteúdo transmitido e aproveitar de maneira mais efetiva o seu tempo.

No entanto, não é o caso quando você está fazendo um serviço que exija mais criatividade e foco. Por exemplo: se uma pessoa está analisando um relatório ou produzindo uma arte, dificilmente ela conseguirá assimilar o aprendizado do áudio que estiver ouvindo ao mesmo tempo que realmente precisa dedicar a atenção para outras questões.

Outra vantagem é que o áudio é um formato executado em diversos dispositivos. Isso deixa você à vontade para escolher como, onde e quando escutar. Pode ser em casa pelo computador, no carro pelo som automotivo ou na rua pelo seu celular ou smartphone, por exemplo.

Conheça algumas dicas

Um ponto interessante é que você pode estudar a partir de áudios convertidos de vídeos do YouTube (o site Yout é ótimo para isso) e por meio de podcasts (uma sugestão é baixar o app Podcast Addict, para usuários de celulares Android, ou usar o iTunes, para os usuários de iOS. Ambos são agregadores de podcasts, ou seja, reúnem e organizam os áudios mais interessantes de acordo com categorias e relevância).

Você também pode produzir suas próprias aulas em áudio. Caso tenha algum aparelho de gravação (gravadores, celulares, etc.), é possível gravar algumas aulas em cursos ou na faculdade (com a devida permissão do professor, é claro). Se preferir, você pode recordar sua própria voz lendo algum material ou explicando para si um determinado conteúdo.

Por último, outra boa dica é o uso de algum material visual para reforçar o aprendizado de uma aula em áudio. Quando outros sentidos são estimulados e complementados entre si, a absorção de conteúdos pode se tornar mais fácil.

Acompanhar aulas em áudio, sem dúvidas, é um método que trará mais rapidez e facilidade de absorção de conteúdo aos concurseiros — sendo versátil o suficiente para ser conciliado com outras tarefas rotineiras. Em resumo, é uma forma de tornar o seu tempo mais produtivo em relação aos estudos.

Você notou como é possível aprender e melhorar seus estudos por meio de aulas em áudio? Conte nos comentários se esse método funcionaria bem com você. Participe!